CLUBE  •  PIXEL SHOW  •  AGENDA  •  FEIRA

David Maisel é um daqueles fotógrafos que possuem a habilidade de encontrar beleza nos lugares mais inusitados, pouco explorados por outros artistas. Tanto que, na série Library of Dust, o norte-americano registra recipientes de cinzas de antigos pacientes psiquiátricos, extraindo dali imagens surpreendentes.

Durante décadas em contato com os restos mortais dessas pessoas, os recipientes de cobre sofreram diversas reações químicas, revelando resultados que mais parecem trabalhados à mão. Afianl, a combinação entre a ferrugem do cobre, o vestígio das etiquetas de papel com o nome dos pacientes e a intensa coloração dos minerais que se formam deram à cada lata um aspecto único.

O belíssimo resultado fotográfico torna-se ainda mais interessante graças ao contexto em que ele se envolve: loucura, morte e esquecimento.

image

image

image

image

image

image

image

image

image

image

 

Abaixo você confere, em detalhe, as formações das latas, e também fotos do hospital onde Maisel as encontrou.

image

image

image

image

image

image

image

image

+ Informações:
Site: David Maisel

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo