Uma escultura usando rodas de bicicleta

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Em 1994, o reparador de bicicletas de Vancouver, Philippe LeBlond, mudou-se para Yukon, um território canadense conhecido por suas belas paisagens. Enquanto ele se deslocou para se estabelecer e desfrutar da natureza, acabou descobrindo – e eventualmente se juntou a uma comunidade de artistas na pequena cidade de Whintehorse. Unindo seus interesses mecânicos à sua recém descoberta criatividade, LeBlond começou a criar esculturas a partir de antigas pças de bicicletas.

Esta obra de arte única é composta por uma coleção de rodas de bicicleta. Variando em tamanho e estilo, essas rodas foram meticulosamente ligadas por abraçadeiras plásticas, culminando em uma estrutura durável. Instalada em seu quintal, a peça mede mais de 16 metros de diâmetro, superando os carros estacionados, cercas e claro, as bicicletas intactas que rodeiam.

O que otrna estas escultura ainda mais especial é que ela possui um elemento interativo. Ao remover estrategicamente um dos raios das rodas, LeBlond conseguiu criar uma “porta” para a cúpula. No interio, visitantes encontrarão ainda um detalhe que ilustra o lado sustentável das criações do artista.

Esse interesse em ser amigo do meio ambiente também é evidente em outros aspectos da vida de LeBlond. Como membro ativo da comunidade de Whitehorse, ele introduziu um programa que permite às pessoas emprestar bicicletas por U$ 1.[/vc_column_text][vc_single_image image=”147051″ img_size=”full” alignment=”center”][vc_empty_space][vc_single_image image=”147050″ img_size=”full” alignment=”center”][vc_empty_space][vc_single_image image=”147049″ img_size=”full” alignment=”center”][/vc_column][/vc_row]

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo