CLUBE  •  PIXEL SHOW  •  AGENDA  •  FEIRA

A tecnologia em parceria com a arte

[vc_row][vc_column][vc_column_text]

A edição #55 da Zupi está cheia de conteúdos interativos, e claro, seguimos e obedecemos este requisito. Vivendo no mundo da arte, Henrique Roscoe é o responsável pela 1mpar e tem como fio condutor do seu trabalho a tecnologia. Trazemos aqui dois de seus projetos: Territórios e Afeto.

Territórios

[/vc_column_text][vc_video link=”https://vimeo.com/86520436″][vc_column_text]

Quanto ao espaço, é dividido por uma enorme parede. Ela se move de acordo com a interacção do público de cada lado. Dois dispositivos de percussão são instalados (um de cada lado da peça) e um software controla a posição da parede de acordo com a intensidade e a pressão aplicada em cada instrumento, permitindo ao visitante interagir com a posição da parede e controlar as imagens projectadas e sons em tempo real. À medida que o visitante bate em um dos instrumentos de percussão, o software mede a sua intensidade e a compara com o volume do outro instrumento, situada no lado oposto da parede. O lado que estiver mais alto empurra a parede para o lado oposto. De acordo com Henrique, este processo simboliza o comportamento humano, que está sempre em busca de aumentar seu território, seja real ou psicológico. O trabalho também lida com o modo de funcionamento do mundo contemporâneo, onde quem fala mais alto sempre ganha, independentemente do que está sendo dito.

Afeto

[/vc_column_text][vc_video link=”https://vimeo.com/118739900″][vc_column_text]

Quanto a este trabalho, é um conjunto de três instalações de luz e som que tratam da relação entre pessoas de forma abstracta e subtil, apontando encontros e desencontros nas relações humanas. Cada uma das interações simbolizam um tipo de relação interpessoal. Falada da forma como pessoas se relacionam afectivamente e, ao mesmo tempo, influenciam no comportamento uma das outras.   Com luzes, cores e utilizando a tecnologia de hardwares, Henrique cria uma ambiente de efeitos e sons inspiradores.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn