CLUBE  •  PIXEL SHOW  •  AGENDA  •  FEIRA

Reinterpretando os clássicos

Na última sexta-feira, 12 de novembro, a galeria britânica London Miles inaugurou The Idol Hours, uma exposição coletiva em que artistas contemporâneos reinterpretam grandes clássicos da arte.

Van Gogh, Da Vinci, Picasso, Klimt, Rembrandt, Botticelli e Vermeer são apenas alguns dos mestres que tiveram suas obras revisitadas pelos 41 artistas escalados para a mostra: Nom Kinnear King, Roberto Márquez, Elizabeth Winnel, Jenny Bhatt, Joe 2H McSween, Chris B Murray, Ken Keirns, Justin Fry, MadSteez, Kevin Earl Taylor, Ann Marshall, Dave Pressler, Tanner Goldbeck, Jim Mahfood, David Macdowell, Alex Garcia, Claudia Sabe, Yosuke Ueno, Tiffany Liu, Plastic God, Stella Im Hultberg, Yumiko Kayukawa, Matthew Bone, Travis Lampe, Zoe Lacchei, Scott C., Scott Belcastro, Sergio Mora, Alex Young, Bob Dob, Joe Ledbetter, David Marsh, Carrie Ann Baade, Tom Bagshaw, Phil C., Luke Chueh, Carles Gomila, Xue Wang, Michael Forbes, Jen Lobo, Yoko D´Holbachie.

Na sua opinião a iniciativa é invasiva ou válida? Participe da discussão no nosso fórum.

image

Tiffany Liu, A Happy Day – reinterpretação de Van Gogh

image

Yoko D’Holbachie, The Kiss – reinterpretação de Klimt / David Macdowell “Ringoism” – reinterpretação de Vermeer

image

Scott C, The Anatomy lesson of Dr. Nicolaes Tulp – reinterpretação de Rembrandt

image

Madsteez, Portrait of the intergalatic postman Weenseph Roulin – reinterpretação de Van Gogh

image

Dave Pressler, Canon of Anger – reinterpretação de Da Vinci

image

Sergio Mora Guernica Love Song – reinterpretação de Picasso

image

Bob Dob, Another Sunday Morning – reinterpretação de Van Gogh

image

Tanner Goldbeck, LA Burning – reinterpretação de Turner

image

Zoe Lacchei, The Sphinx – reinterpretação de Schiele

image

Jenny Bhatt, Rebirth of Venus – reinterpretação de Botticelli

+ Informações:
Site: London Miles Gallery