capa-design-genial-zupi

Em Quando o design é genial – 80 obras-primas em detalhe“, a escritora, artista e especialista em design Susie Hodge reuniu 80 peças de design que marcaram época, mudaram costumes, criaram moda ou facilitaram o cotidiano de milhares de pessoas até hoje.

São trabalhos em todas as áreas (de mobiliário a utilidade doméstica, de tecidos a instrumentos musicais), sempre pensando em combinar tecnologia, ergonomia e estética. “Vários designers têm involuntariamente descoberto técnicas inovadoras ou usos de certos materiais, enquanto outros, como Dieter Rams e Michael Graves, têm produzido consistentemente uma variada gama de produtos inventivos, eficientes e de vanguarda”, exemplifica Susie na introdução do livro.

A publicação é dividida em dez categorias: beleza, individualidade, forma, função, expressão, movimento, impacto, conveniência, comunicação e harmonia. Cada peça – em um recorte que vai do final do século 18 até o século 21 – é detalhada em sua história, com uma ficha técnica que lista os materiais com os quais é feita e uma relação de designs similares anteriores ou posteriores, além de breves biografias dos designers.

Algumas peças – como o alfinete de gancho de Walter Hunt (1849), os frascos Le Parfait de autor desconhecido (1825) e a fita métrica automática de James Chesterman (1842) – nunca foram superadas, e estão todas em Quando o design é genial – lançado no Brasil pela editora Gustavo Gilli.

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo