Maurício de Sousa emociona no Pixel Show 2013

Foi só Maurício de Sousa pisar no Clube Hebraica, momentos antes da palestra que daria no auditório do Pixel Show 2013, para a galera começar a se aglomerar na frente da sala VIP. O motivo? Todos queriam uma foto com o ídolo, ou uma assinatura naquele gibi da Turma da Mônica de estimação, ou na edição da revista Zupi que traz entrevista com o quadrinista.

[row][figcaption text=”Adrea Senise e Maurício de Sousa, no Pixel Show 2013″]andrea-e-mauricio-de-souza-zupi[/figcaption]
[/row]

Andrea Senise foi uma delas. Chegou trêmula ao lado de Maurício e, muito emocionada, pediu para tirar uma foto ao lado dele. Embrenhou-se em meio à galera da equipe do Pixel Show que acompanhava o criador da Mônica e, decidida, conseguiu sua foto. Tanto empenho tem explicação: Andrea começou a desenhar inspirada pelos quadrinhos da Turma da Mônica. ” Quando eu era pequena, lembro que olhava para as pessoas e as achava muito feias. Para mim, as proporções ideais eram as dos personagens de Maurício de Sousa. Queria que todo mundo tivesse aquele cabeção”, relembra Andrea.

[figcaption text=”Os desenhos da pequena Andrea Senise”]

[/figcaption]

[figcaption text=”O trabalho atual de Andrea Senise”]

[/figcaption]

Hoje, a animadora desenvolveu sua técnica própria mas a admiração pelo trabalho do ídolo continua muito forte. Maurício de Sousa alegra-se com o assédio e orgulha-se da emoção que seu trabalho é capaz de causar nas pessoas. ” Quando as pessoas me encontram, automaticamente começam a sentir as mesmas sensações de quando eram crianças. Isso é muito bom”, revela Maurício.

Mais tarde, Maurício de Sousa palestrou em tom de quem conversava com os netos, 2300 pessoas ouviram suas histórias atentamente e o aplaudiram de pé.

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo