SHOP  •  PIXEL SHOW  •  CONFERÊNCIA  •  PROGRAMAÇÃO

Fotógrafa retrata casais que estão juntos há mais de 50 anos

Após a morte de seu avô, A fotógrafa Lauren Fleishman encontrou uma série de cartas de amor que ele tinha escrito para a esposa (sua avó) num livro que estava perto de sua cama. Eles foram casados por mais de 50 anos.

Seu projeto “Love Ever After” consiste numa série fotográfica de “cartas de amor”. São retratos de casais novaiorquinos que estão juntos há mais de 50 anos, e ainda há depoimentos escritos e em áudio.

Confira e celebre o amor!

 

loveeverafter1

“Você realmente não pensa sobre envelhecer. Primeiro, quando se convive muito tempo junto, você não nota as mudanças. Você não nota uma ruga que apareceu no rosto do seu parceiro. Essas coisas só acontecem. Eu não fico pensando ‘Oh, meu marido tem 83 anos e logo terá 84. Estou casada com um homem velho!’. Espero que ele não pense assim também”. Angie Terranova

 

loveeverafter2

“Nos conhecemos num baile. Era janeiro de 1938. Meu amigo me convidou para a festa e disse que haveria várias lindas garotas. Outro cadete com botas de cano alto se aproximou dela, mas ela não gostava de botas de cano alto e disse não para ele. Eu fui o segundo a cortejá-la, e tinha um uniforme diferente, mas não sei se foi minha roupa ou meu rosto o que a atraiu”. Yevgeniy Kissin

 

loveeverafter3

“Eu vou fazer 88 anos e minha esposa, 85. Hoje eu só desejo mais 5 ou 6 anos de vida, é só o que queremos. A verdade é que eu sempre digo para minha esposa que quero chegar aos 94, meu objetivo de vida. Gostaria de ver meus netos bem-sucedidos. Queremos que sejam felizes como fomos”. Moses Rubenstein

 

loveeverafter4

“Pouco a pouco, nós envelhecemos mas não mudamos nosso coração. O amor se fortifica, é como eu me sinto e como acredito que ele se sinta. Sim, ele foi meu primeiro amor, e meu último também”. Leila Ramos

 

loveeverafter5

“Nos conhecemos antes da guerra, mas nunca havíamos conversado. Ele sempre estava com outras garotas porque era bem mais velho do que eu. Se quer saber, ele era muito bonito! Era um alfaiate e tinha uma loja onde fazia ternos masculinos. Quando voltamos da guerra, ele foi até a casa de minha irmã onde eu estava morando. Em Agosto, estaremos casados há 63 anos. Eu diria que o amor veio aos poucos, pois éramos jovens. Ele falava comigo muito gentilmente”. Golda Polac

 

loveeverafter6

“Qual é o segredo do amor? Um segredo é secreto e eu não revelo os meus!” Ykov Shapirshteyn

 

loveeverafter7

“Eu estava com problemas na escola porque tinha que escrever um trabalho sobre música e nunca havia escrito nada sobre o tema. Minha mãe sugeriu que eu fosse ver David porque ele entendia muito de música. Eu fui até ele e pensei que ele escreveria o trabalho para mim. Mas ele disse que não o faria, que iria me ajudar, mas que eu quem deveria fazer meu proprio trabalho. Depois que fizemos o trabalho juntos, ele me chamou para uma festa com seus amigos do exército. Eu nunca tinha pensado nele romanticamente. Ele me olhou como um homem que havia acabado de voltar do exército olharia para uma mulher sensual”. Sheila Newman

 

loveeverafter8

“Eu era o tipo de garota que se apaixona muito rápido. Então, no dia seguinte eu contei para mnha amiga que já estava amando. Mas depois do meu primeiro encontro com Sol, eu não me senti daquele jeito. Acredito que isso só provou que você não pode julgar de repente. Isso pode não funcionar, mas quando você realmente conhece a pessoa, o amor vem”. Gloria Holtzman

 

 

+ Informações em: Lauren Fleishman 

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn