Descoberto livro de cores feito 271 anos antes da Pantone surgir

Antes de termos o guía de cores da Pantone não havia um sistema universalmente reconhecido para identificar cores. Não podemos dispensar as tentativas, a maioria foram falhas, mas essa em especial foi impressionante. Um artista, conhecido apenas como A. Boogert, criou uma literatura sobre a mistura das cores em 1692 manuscrito em holandês. Chamado de “Traité des couleurs servo à la peinture à l’eau”, era um guia de 800 páginas de cores e tintas, provavelmente era a peça mais abrangente nas cores na época. Apresentava amostras de cores, descrições e até instruções sobre como criar certos matizes e alterar o tom adicionando uma, duas ou três partes de água.

Erik Kwakkel é um historiador e foi o único que teve a chance de examinar o livro. Ao traduzir parte da introdução ele concluiu que o livro de cores era um guia educacional. Infelizmente, existe apenas uma única cópia do livro, então o número de pessoas a vê-lo será pequeno.

Atualmente, o livro é mantido na Bibliothèque Méjanes em Aix-en-Provence, na França.

Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin

Toda semana, uma enews com um incrível artigo
que vai surpreender sua mente criativa.

Submit

Cadastre seu email.

Fique de olho em nossas redes sociais. Siga a gente no Pinterest, Twitter, Facebook & Instagram.

A Zupi é a revista oficial do Pixel Show, o maior festival da América Latina de criatividade.

ENTRE EM CONTATO

TELEFONE:
+55 11 3926-0174
+55 11 96569-8348 (Whatsapp)

ENDEREÇO

Rua Conde de Irajá, 208 –
Vila Mariana, São Paulo – SP,
CEP: 04119-010

ATENDIMENTO

Via Ticket, Chat, eMail ou Telefone
Segunda – Sexta
9h – 18h

Conteúdo

...