Conheça o artista plástico Hal Wildson

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Hal Wildson nasceu e cresceu no interior de Goiás, na cidade de Aragarças. Foi dentro de uma casa humilde e criado pela avó que desde muito cedo começou a dar asas à sua criatividade customizando roupas e usando cabelos exóticos.

Seu vizinho, o Rio Araguaia foi (e é) uma grande inspiração, assim como a natureza abundante que o cercou desde muito cedo.

Foi em 2007, pouco antes de sua avó falecer, que Hal iniciou de forma instintiva e autodidata o seu processo artístico principal: a colagem. Ele decidiu dar nova vida às paredes da casa que precisavam de uma reforma e usou páginas de livros e revistas numa super colagem, que finalizou desenhando por cima.

“Em uma metáfora da vida e meu processo artístico: a colagem é o que tenho, o que sobrou das minhas vivências, o que me cerca, as memórias, os pedaços literais de toda a trajetória. O desenho representa o que faço diante dos recortes da existência: arte”, explica.

Hal já soma 10 anos estudando colagem e hoje vive de sua própria arte, que ele chama de “poesia visual”.

Trabalho três temas centrais nas minha obras: amor, raízes ancestrais, tramas do afeto”, define.

Ele mora em Goiânia e em 2018 foi convidado para expor em Londres (UK), na Cidade do México e em Xalapa (México). Uma grande emoção, afinal, Frida Kahlo é uma de suas musas inspiradoras.

A novidade é a parceria com o Natiruts. Hal Wildson assinou a capa do próximo lançamento da banda.

[/vc_column_text][vc_single_image image=”146693″ img_size=”full”][vc_column_text]“Quando recebi o convite para essa parceria com o Natiruts e ouvi o disco pela primeira vez, percebi de imediato que estávamos falando sobre o amor, acreditando nesse sentimento como a principal essência na construção de um mundo melhor. Busquei retratar o tema como uma espécie de estado de flutuação, um coração tomado por flores flutuando no céu. O amor é poesia… cada um entende a sua maneira, amor é empatia”, diz Hal Wildson.

 

I Love é o nome do próximo disco do Natiruts que está previsto para o final de 2018. Antes do lançamento do álbum completo, a banda apresenta um bundle (termo do mercado fonográfico que designa dupla de singles) contendo as faixas “Hoje eu Quero Ouvir” e “Deriram”. Reggaeira pesada neste lançamento que sai dia 05 de outubro e que precede o oitavo disco de inéditas do Natiruts.

 

O vocalista do Natiruts, Alexandre Carlo, é fã de Hal e define seu trabalho como “poesia visual que transmite aos olhos o que a música transmite aos ouvidos… e tudo chega no coração”.[/vc_column_text][vc_single_image image=”146696″ img_size=”full” alignment=”center”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”146695″ img_size=”full” alignment=”center”][/vc_column][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”146697″ img_size=”full” alignment=”center”][/vc_column][/vc_row]

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo