Cartografia Olímpica: uma obra interativa de grandes dimensões

Uma pintura interativa de grandes dimensões no chão do maior complexo esportivo de Vitória, Capital do Espírito Santo, vem transformando a paisagem urbana da região mais antiga da cidade. A intervenção ocupa o pavimento térreo do Centro Esportivo Tancredo Neves, um espaço de 53 mil metros quadrados à beira-mar, com ginásio de esportes, pista de caminhada, ciclovia, pista de skate, playgrounds, piscinas, centro para a Terceira Idade, campos e garagem de barcos.

Idealizada pela designer baiana Juliana Lisboa e pelo arquiteto paulista Renato Pontello, a obra “Cartografia Olímpica: um encontro pela paz, união e amizade” tem 2 mil e 200 metros quadrados de extensão e permite ao visitante caminhar sobre mapas em amarelo, preto, verde, azul e vermelho. As cores remetem diretamente aos aros olímpicos. Uma pintura semelhante à de quadras e pisos esportivos completa o desenho, como marcações a direcionar o fluxo e o movimento dos visitantes.

cartografia-olimpica

O trabalho foi realizado com recursos do Prêmio Arte Monumento Brasil 2016, edital da Funarte/Ministério da Cultura, que contemplou 70 projetos de obras de arte permanentes em cidades da rota de Revezamento da Tocha Olímpica.

“As pessoas precisam usar, não apenas ver. Acredito que isso gera uma aproximação. É uma obra de arte para ser usada, para os visitantes se apropriarem, olharem de forma diferente para uma mesma coisa”, explica Juliana.

cartografia-olimpica-2

cartografia-olimpica-3

Compartilhe via...

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Abasteça com ideias lendo novas histórias abaixo