Cartões-postais são criados em comemoração aos 70 anos de ações em Turismo Social do SESC São Paulo

Em comemoração aos 70 anos de suas ações em Turismo Social, o Sesc São Paulo encomendou a artistas de diversas vertentes uma série de cartões-postais, os quais, em conjunto, ilustram diferentes regiões e bairros da capital, assim como cidades do Estado. Para visualizar os trabalhos concebidos, basta acessar o endereço paisagenspostais.sescsp.org.br, no qual os visitantes poderão explorar as 30 coleções desenvolvidas – ao todo, estão disponíveis para visualização mais de 200 itens criados a partir de diferentes técnicas artísticas, como desenho, ilustração, aquarela.

Há 70 anos, o Turismo Social do Sesc São Paulo busca ampliar o conceito do viajar, com o foco na democratização do acesso às práticas turísticas. Durante as atividades propostas – excursões, passeios de um dia, estadas no Sesc Bertioga, palestras, expedições virtuais, oficinas e vários outros tipos de vivências – os participantes são estimulados a encontrar um novo mundo: dialogar com outras culturas, interagir com os habitantes dos locais visitados, conhecer seu patrimônio natural e respeitar suas tradições, sempre de forma responsável e consciente.

Agora confira algumas imagens dos cartões e quem foram os responsáveis pela coleção.

Grande São Paulo

Av. Paulista e região
A designer e ilustradora espanhola Ángela León foi convidada pelo Sesc para retratar a Avenida Paulista a partir de cenas oníricas e imaginadas, mesclando ficção e realidade. Em seus desenhos e por diferentes ângulos é possível vislumbrar uma Paulista fantástica, histórica, idealizada e lúdica.

Bom Retiro e região
Ilustrados por João Galera, os postais desta coleção revelam os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória de seus habitantes e passantes do Bom Retiro.

Sé e região central de São Paulo
Série de cartões-postais do bairro da Sé e seu entorno criados por Fabrizio Lenzi, arquiteto e ilustrador do estúdio vapor 324. Uma composição emblemática em que os edifícios não são representados apenas com uma fachada única, mas, sim, em conjunto com outros elementos que compõem a atmosfera da região central da cidade.

Consolação e região
O ilustrador e arquiteto Kei Isogai propõe uma releitura da cidade a partir do desenho, observando não apenas edifícios e monumentos, mas, também pessoas, animais, árvores e o movimento impresso nas diferentes formas de ocupação do espaço urbano.

Bela Vista e região
Ilustrados pela artista Karine Guerra, estes postais retratam a Bela Vista, revelam os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória de seus habitantes.

Interlagos
Produzida pelo ilustrador e designer gráfico Karmo, a coleção apresenta um pouco da sociobiodiversidade presente no extremo sul da cidade, região de muitas identidades culturais, arquiteturas históricas e riquezas naturais.

Ipiranga
A coleção ilustrada por Veridiana Scarpelli revela os processos de construção e transformação desse território e das manifestações representativas da memória de seus habitantes e de quem circula cotidianamente pela região.

Itaquera e região leste
Os cartões-postais da Zona Leste Paulistana, onde está localizado o Sesc Itaquera, foram criados pela artista plástica, ilustradora e quadrinista Mariana Waechter. A série apresenta locais emblemáticos desta região, onde tudo é superlativo, com suas constantes transformações urbanas, econômicas e culturais.

Osasco
A artista gráfica argentina residente no Brasil Eva Uviedo retratou Osasco por meio de suas delicadas aquarelas, dedicando um olhar poético para pontos conhecidos da cidade e destacando a presença de refúgios verdes nos espaços urbanos, ainda que no dia a dia eles pareçam invisíveis na paisagem.

Pinheiros e região
Ilustrados pela artista Adriana Komura, os postais de Pinheiros são testemunha de um bairro em franca transformação, em que símbolos do passado convivem com tendências do presente e revelam as tensões entre o que escolhemos preservar e o que optamos por modificar.

Santana e região norte
A coleção, ilustrada por Julio Cesar de Souza (Julio Bento), apresenta memórias e pontos icônicos da zona norte de São Paulo.

Santo André
Criados pelo ilustrador Lauro Monteiro, os postais de Santo André revelam os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória de seus moradores.

São Caetano
Ilustrados por Edson Ikê, lugares de referência icônica da cidade de São Caetano, por seu valor histórico e afetivo, ganham vida e enaltecem a diversidade local através dos traços e paleta de cores singulares do artista.

Vila Mariana e região
Ilustrados pela desenhista Juliana Russo, os postais desta coleção captam paisagens, lugares e caminhos inusitados e labirínticos do bairro da Vila Mariana.

Interior e Litoral

Araraquara
A artista visual Aline Paes ilustrou postais que trazem um pouco das histórias da cidade e das memórias de seus habitantes, além de representarem a força e a importância da coletividade.

Bauru
A partir de um concurso promovido por Sesc e Unesp, a arquiteta e urbanista Maria Helena Carvalho Rigitano ilustrou algumas das memórias arquitetônicas de Bauru que contam as camadas de histórias e as transformações da cidade.

Birigui
Ilustrados pelo urban sketcher Eduardo Bajzeck, estes postais revelam os processos de construção e transformação dos territórios de Bauru e das manifestações representativas da memória de seus habitantes.

Campinas
Na Campinas retratada pelo artista plástico Thiago Bortolozzo, aquarelas entre desenhos dos prédios e aguadas nos convidam a refletir sobre diversas camadas históricas que constituem as cidades em seu constante processo de apagamento e construção.

Catanduva
Ilustrados pelo artista plástico Luis Caludio Morgilli, os postais revelam os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória dos habitantes de Catanduva.

Jundiaí
Os postais ilustrados pelo quadrinista e artista plástico Ede Galileu utilizam o vinho como tinta e revelam os patrimônios históricos e naturais de Jundiaí, um território marcado pela presença de índios, negros e imigrantes que construíram a história da cidade.

Piracicaba
Os postais de Piracicaba são de autoria da artista Renata Amalfi e revelam parte da riqueza histórica e cultural da cidade, presente na memória e no coração de sua gente.

Presidente Prudente
O ilustrador Nivaldo Gonçalves elabora na coleção de cartões-postais da cidade de Presidente Prudente os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória de seus habitantes.

Registro
Ilustrada pelo aquarelista Savio Jeronimo Soares, a coleção de Registro revela os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória de seus habitantes.

Ribeirão Preto
Ilustrados pelo artista visual André Costa, os postais de Ribeirão Preto relacionam memórias e histórias, constituindo uma narrativa diante da marcante identidade cultural da cidade e de seu povo.

São José do Rio Preto
O grafiteiro Edson Ramos retrata localidades de Rio Preto, que, apesar de sua tradição, estão em constante mudança. Com contornos e cores fortes, suas ilustrações ressignificam espaços urbanos que representam os mais diversos contextos sociais e culturais da cidade.

Santos
Os cartões-postais de Santos foram ilustrados por Paulo Von Poser, um artista que tem a cidade como temas de sua arte e suas aulas de desenho. Von Poser já foi convidado para a restauração do teto do Teatro Guarany, em Santos.

São Carlos
Através de um percurso familiar por São Carlos, a arquiteta e artista visual Cris Kimi procura registrar entre riscos e aguadas de aquarela perspectivas cotidianas que escapam ao olhar já construído da cidade.
São José dos Campos
A coleção de São José é ilustrada por Sonya Mello, pintora primitivista e cronista, cujo trabalho é um convite à observação de locais de relevância cultural e histórica que propiciam espaços de convívio e lazer aos moradores e visitantes.

Sorocaba
Nesta série, o artista visual Federico de Aquino apresenta paisagens comuns aos pedestres de Sorocaba: construções antigas e contemporâneas convivem, porém, muitas vezes, passam despercebidas dado o ritmo da vida urbana atual da cidade.

Taubaté
Ilustrados pelo urban sketcher Felipe Rezende (Ifi), os cartões-postais de Taubaté revelam os processos de construção e transformação de seus territórios e das manifestações representativas da memória dos habitantes da cidade.

Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on linkedin

Toda semana, uma enews com um incrível artigo
que vai surpreender sua mente criativa.

Submit

Cadastre seu email.

Fique de olho em nossas redes sociais. Siga a gente no Pinterest, Twitter, Facebook & Instagram.

A Zupi é a revista oficial do Pixel Show, o maior festival da América Latina de criatividade.

ENTRE EM CONTATO

TELEFONE:
+55 11 3926-0174
+55 11 96569-8348 (Whatsapp)

ENDEREÇO

Rua Conde de Irajá, 208 –
Vila Mariana, São Paulo – SP,
CEP: 04119-010

ATENDIMENTO

Via Ticket, Chat, eMail ou Telefone
Segunda – Sexta
9h – 18h

Conteúdo

...