Em 2001 nasceu a Zupi com o foco em promover, inspirar e registrar os melhores artistas e criativos do Brasil e do mundo. Com curadoria de Allan Szacher, mais de 200 colaboradores espalhados no mundo e com uma equipe de criativos multidisciplinares a revista cresceu, saiu da internet, foi para o papel, é bilingue (inglês e português), distribuida em mais de 22 paises, encontrada nas redes sociais, em Apps de conteúdo, com centenas de milhares de leitores, criou o Pixel Show (maior festival de criatividade da América Latina), fundou a Zupi Academy (formando mais de 8 mil alunos no Brasil com diversos cursos e workshops), lançou livros de arte, revistas customizadas, fez curadorias de conteúdo para diversas marcas e muitas exosições e a cada ano tem lançado novos projetos culturais diferenciados com apoio de grandes marcas inovadoras.

A fotografia Burlesca de Van Sarki

O fotógrafo do Broklyn, Van Sarki teve uma idéia para sua série “Compere Burlesque” quando percebeu que um de seus amigos de faculdade era uma estrela burlesca. Ele fez belas fotografias, na verdade, “retratos duplos” dos artistas em seu estado “despido” e em seu traje burlesco completamente elaborados. É lindo ver a diferença.

A “Invasão” de Chico Santos

Os dez anos trabalhando numa emissora de televisão somados aos oito meses isolado da civilização serviram de carga para sua instalação “Invasão”, que já percorreu o mundo: O problema do crescimento urbano desenfreado foi refletido em milhares de pequenas casas feitas manualmente por Chico e instaladas em lugares inusitados. Confira!

Valentine Moreno

Uma caminhada pelo conhecido Caminho de Santiago, na Espanha, foi tudo o que Valentine Moreno precisou para começar a fotografar e não parar mais. As fotos de Valentine mostram o ser humano de perto, explorando o corpo como ponto inicial e final de nossa existência.

Como as mulheres se despiam em 1937

Esta sessão de fotos de 1937 mostra o contraste na arte de se ‘despir’, no melhor estilo de stripper “burlesco”, por June St. Clair, em comparação com uma “mulher normal”, que não se despem mais com o fascínio do companheiro. As fotos foram por feitas por Peter Stackpole para a Escola Gilbert Allen.