Em 2001 nasceu a Zupi com o foco em promover, inspirar e registrar os melhores artistas e criativos do Brasil e do mundo. Com curadoria de Allan Szacher, mais de 200 colaboradores espalhados no mundo e com uma equipe de criativos multidisciplinares a revista cresceu, saiu da internet, foi para o papel, é bilingue (inglês e português), distribuida em mais de 22 paises, encontrada nas redes sociais, em Apps de conteúdo, com centenas de milhares de leitores, criou o Pixel Show (maior festival de criatividade da América Latina), fundou a Zupi Academy (formando mais de 8 mil alunos no Brasil com diversos cursos e workshops), lançou livros de arte, revistas customizadas, fez curadorias de conteúdo para diversas marcas e muitas exosições e a cada ano tem lançado novos projetos culturais diferenciados com apoio de grandes marcas inovadoras.

Invadindo o vintage

Unindo futuro e passado em um mesmo cenário, o artista italiano Franco Brambilla criou a irreverente série Invading the Vintage, na qual seres de outras galáxias penetram em imagens de antigos cartões postais. Entusiasta de histórias fantásticas, Brambilla é um dos principais ilustradores dos livros de Urania e Urania Collezione, é uma série de livros…

Arte com fios de cabelo

Para guardar a memória de amores e familiares perdidos, os vitorianos costumavam guardar medalhões com retratos e mechas de cabelo dos falecidos. De forma semelhante, Melanie Bilenker fixa suas lembranças através de imagens fotográficas que reproduz em medalhões e broches com seus próprios fios de cabelo. As composições finais criadas pela norte-americana apresentam uma beleza…

Na rua com Specter

Specter é um artista urbano por excelência. Afinal, pinta na rua assuntos ligados… às ruas. Desde 1995, tem usado o espaço urbano para extravasar sua criatividade, agregando frequentemente elementos da arquitetura, sinalização, comércio e problemas sociais das regiões por onde passa. “A localização do meu trabalho é muito importante, pois busco transformar a compreensão que…

Madeira ou papel de parede?

O papel de parede Scrapwood, criado pelo designer holandês Piet Hein Eek, vai dar ao seu lar na cidade ares de uma bucólica casa de campo. Os seis modelos diferentes simulam com perfeição placas de madeira, deixando qualquer casa com uma aparência rústica; tudo de mentira, mas bastante criativo. O preço é meio salgado: cada…

Skate pop

Fundada em 1990, a marca de skate Alien Workshop sempre foi conhecida pelo visual artístico de seus decks. Recentemente, como que para coroar essa fama, a marca lançou duas séries de 10 pranchas impressas com obras de Andy Warhol, uma para cada skatista que patrocina. Fruto de uma parceria entre a empresa e a Andy…

A arte de rua de Judith Supine

O norte-americano Judith Supine passou grande parte de sua vida sem conseguir falar: só pôde articular suas primeiras palavras um mês antes de seu aniversário de 17 anos. Foi através de imagens e desenhos que Supine se comunicou durante todo esse tempo, e essa habilidade para expressar seu mundo interior sem palavras continua visível nas…

Pornô é arte

Pornografia pode sim ser arte. É isso que mostra (e como!) e trabalho do artista norte-americano Tom Gallant. Através de recortes minuciosos feitos à mão, o artista transforma imagens de sexo explícito em peças com motivos florais inspiradas em ilustrações da era vitoriana que à primeira vista escondem as despudoradas cenas. Criativo, seu trabalho evoca…

Festival Pictoplasma 2011

Entre os dias 6 e 9 de abril, Berlim recebe mais uma vez o festival anual Pictoplasma, a maior celebração mundial da criação de personagens. Este ano, o programa de quatro dias conta com apresentações, palestras, festival de animação, workshops, instalações, exibições, performances e muito mais. Entre os palestrantes já confirmados estão nomes de peso…

Retratos (im)perfeitos

Apesar de possuir um traço hiperralista, Colin Chillag gosta de mostrar a realidade por uma ótica diferente. Nascido em Nova York, o artista, que atualmente mora e trabalha em Phoenix, no Arizona, inspira-se em antigas fotografias que encontra por brechós para criar seus incríveis retratos a óleo. Neles, cada detalhe dos rostos de homens e…

Sculpting books

It seems like Jennifer Khoshbin really love books, but not like usual readers do. The passion she devotes to their pages comes from the possibility of turning them into actual works of art. The inventive American artist cuts and pastes in order to shape her sculptures, made out of the most diverse types of publications.…

Reey Whaar’s gloomy watercolors

Putting together his clever ideas and fine technique, Russian illustrator Reey Whaar creates intriguing pieces of work. Their beauty often hides disturbing concepts, which are usually completed by the title he gives them. See below for some of his work: Someone Broke the Swing Love Bowl It Holywar Welcome Emergency Landing Disneypunk Modern Buddha Manic…

Blub Lounge

O mundo aquático e todos os seus encantos foram fielmente reproduzidos no espaço Blub Lounge, em Barcelona. Toda a decoração do local foi planejada para que o visitante possa sentir como se estivesse embaixo d’água. A inspiração para o projeto fica evidente logo na entrada, onde pode ser encontrada a escultura de uma sereia feita…