Em 2001 nasceu a Zupi com o foco em promover, inspirar e registrar os melhores artistas e criativos do Brasil e do mundo. Com curadoria de Allan Szacher, mais de 200 colaboradores espalhados no mundo e com uma equipe de criativos multidisciplinares a revista cresceu, saiu da internet, foi para o papel, é bilingue (inglês e português), distribuida em mais de 22 paises, encontrada nas redes sociais, em Apps de conteúdo, com centenas de milhares de leitores, criou o Pixel Show (maior festival de criatividade da América Latina), fundou a Zupi Academy (formando mais de 8 mil alunos no Brasil com diversos cursos e workshops), lançou livros de arte, revistas customizadas, fez curadorias de conteúdo para diversas marcas e muitas exosições e a cada ano tem lançado novos projetos culturais diferenciados com apoio de grandes marcas inovadoras.

Como um cão mudou a vida de um garoto e um garoto mudou a vida de um cão

Dois meses atrás, Jonny Hickey era um garoto de oito anos isolado e quieto, que fora recentemente diagnosticado como autista. Alguns meses atrás, um filhote de cachorro – uma mistura de Staffordshire Terrier e Pit Bull – foi abandonada no acostamento da estrada em condições inimaginavelmente péssimas. Meses atrás, o garoto e o filhote – uma fêmea – não saberiam que um mudaria a vida do outro.

O drama da barbearia

Quem ter barba e/ou aprecia ter barba certamente se identificará com essa campanha. O dia de ir ao barbeiro pode ser muito triste para quem cultiva pelos faciais. O comercial é de uma marca de roupas brasileiras, a Dion Ochner, que acaba de lançar uma coleção.