Em 2001 nasceu a Zupi com o foco em promover, inspirar e registrar os melhores artistas e criativos do Brasil e do mundo. Com curadoria de Allan Szacher, mais de 200 colaboradores espalhados no mundo e com uma equipe de criativos multidisciplinares a revista cresceu, saiu da internet, foi para o papel, é bilingue (inglês e português), distribuida em mais de 22 paises, encontrada nas redes sociais, em Apps de conteúdo, com centenas de milhares de leitores, criou o Pixel Show (maior festival de criatividade da América Latina), fundou a Zupi Academy (formando mais de 8 mil alunos no Brasil com diversos cursos e workshops), lançou livros de arte, revistas customizadas, fez curadorias de conteúdo para diversas marcas e muitas exosições e a cada ano tem lançado novos projetos culturais diferenciados com apoio de grandes marcas inovadoras.

Hotel e casa na árvore

Quem nunca sonhou em ter uma casa na árvore? O desejo de se isolar no topo da floresta atrai adeptos há muito tempo. Para aqueles que nunca tiveram a chance de construir sua própria caixa de madeira, a experiência pode estar mais próxima que parecia na infância. Ao caminhar pelas florestas naturais do interior da…

Realidade distorcida

Todos os dias máquinas registram, com ajuda da perspectiva, pessoas empurrando a Torre de Pisa ou segurando a Torre Eiffel com as mãos. Mas, seguindo a mesma técnica destas clássicas fotos, existem outras mais engraçadas e originais. A chamada perspectiva forçada é amiga da imaginação, permite a montagem de cenários que confundem (e divertem) o…

Novos Gremlins

Os elaborados toys construídos por Santani, artista low profile que vive em Moscou, despertam diferentes reações em quem os vê. Eles são feitos de barro, pele artificial e pintados à mão. Metade adoráveis e engraçados, metade bizarros, os bonecos representam a tradição russa sob um outro ângulo. Olha isso:

A meiga família Caixote

Para o fotógrafo Anton Tang, caixas de papelão não são apenas para carregar produtos, mas também possuem vida própria. O artista, de Singapura, criou uma série de fotografias com bonecos de papelão que encantam aqueles que se deparam com as imagens divulgadas no portfolio dele. O sucesso e carisma pelos personagens atingiram até mesmo a…

Acidez na ponta do lápis

Will Laren não tem papas na língua. Seu humor ácido e provocador pode afastar alguns à primeira vista, mas um segundo olhar pode ser muito, mas muito divertido.  Lembram do chiclete Puá? Pois é, o resultado é parecido. Pô, vó, você disse que a gente iria jogar Senhor dos Anéis! Isso é apenas Golf! Ninguém…

Cupcakes do mal

Você acha que todos os cupcakes são doces? Os da norte-americana Lucy Litteral parecem não ser. A artista criou uma série de esculturas que apresentam o lado amargo dos pequenos e doces bolinhos. Cada obra é única , mas vale lembrar que nenhuma é comestível. + Informações: Site: Lucy Litteral

Férias de plástico

O austríaco Reiner Riedler gosta de observar a natureza e os seres humanos, por isso são estes os motes da maioria de suas fotos. Enquanto trabalha, ele costuma pôr em questão costumes e valores sociais, como no ensaio que mostramos agora, Fake Holidays. Nele Riedler ironiza cenários de plástico – que são, diga-se de passagem,…

Made in China

Na arte de Joe Black, 5.500 soldadinhos de brinquedo de diversas cores se unem para recriar um marcante registro do fotógrafo de guerra Robert Capa. A imagem que virou escultura é de um soldado chinês durante a guerra sino-japonesa, um conflito entre o Japão e a China pelo controle da Coreia.  A foto de Robert…

Sketchbooks de mundos fantásticos

Duda Shin é difícil de rastrear. Em tempos em que as informações de grande parte dos artistas está disponível em abundância na internet, encontrar um que seja reservado, chama a atenção. Além das ilustrações de Shin, seus sketchbooks são muito interessantes, pois permitem uma espiada no processo criativo e pensamentos do artista. Duda se utiliza…

Time is Nothing

Que tal abrir o dia com uma voltinha pelo mundo? O fotógrafo Kim Jam sonhava em ser campeão de ping-pong e, como o destino é maluco e incerto, ele acabou como fotógrafo. Porém, a paixão pelo esporte não desapareceu, apenas se uniu com outra afeição, viagens. Como uma bolinha de ping-pong, o norte-americano pulou de…

Time is Nothing

Que tal abrir o dia com uma voltinha pelo mundo? O fotógrafo Kim Jam sonhava em ser campeão de ping-pong e, como o destino é maluco e incerto, ele acabou como fotógrafo. Porém, a paixão pelo esporte não desapareceu, apenas se uniu com outra afeição, viagens. Como uma bolinha de ping-pong, o norte-americano pulou de…

Eu quero #1

Ao olhar certos produtos, normalmente os mais originais, a primeira frase que surge é: eu quero! Separamos algumas novidades que se encaixam neste perfil. Para quem adora fazer piquenique e quer se prevenir contra os dias chuvosos, Haiko Cornelissen pensou na solução: uma mesa com superfície de grama que imita a sensação do apreciado lanchinho…

Eu quero #1

Ao olhar certos produtos, normalmente os mais originais, a primeira frase que surge é: eu quero! Separamos algumas novidades que se encaixam neste perfil. Para quem adora fazer piquenique e quer se prevenir contra os dias chuvosos, Haiko Cornelissen pensou na solução: uma mesa com superfície de grama que imita a sensação do apreciado lanchinho…

Cores da juventude

Andrew Young é um jovem estudante de arte residente na chuvosa e carismática cidade de Vancouver, Canadá. Ele acaba de mostrar ao mundo seu trabalho em sua primeira exposição, intitulada No More Sugar, e já chama a atenção por seu estilo provocador e pela qualidade de sua pintura em tela. Young experimenta com a energia…

Madcobra

É sob o pseudônimo de Madcobra que o ilustrador dominicano Pedro Carvajal atua. Ele reloca elementos da contemporaneidade e cria ilustrações psicodélicas e inventivas. O diretor de arte e seu mundo doido, que também faz referência à arte urbana, você vê na sequência: Madcobra

A natureza que existe em nós

Noah Doely cresceu no estado de Iowa, nos Estados Unidos, onde recebeu o diploma de bacharelado em Artes Plásticas. Atualmente vive na ensolarada e liberal cidade de São Diego, Califórnia. Seu método de trabalho é único e consiste na junção de técnicas de escultura, montagem de instalações e na utilização de antigos processos de fotografia…