Em 2001 nasceu a Zupi com o foco em promover, inspirar e registrar os melhores artistas e criativos do Brasil e do mundo. Com curadoria de Allan Szacher, mais de 200 colaboradores espalhados no mundo e com uma equipe de criativos multidisciplinares a revista cresceu, saiu da internet, foi para o papel, é bilingue (inglês e português), distribuida em mais de 22 paises, encontrada nas redes sociais, em Apps de conteúdo, com centenas de milhares de leitores, criou o Pixel Show (maior festival de criatividade da América Latina), fundou a Zupi Academy (formando mais de 8 mil alunos no Brasil com diversos cursos e workshops), lançou livros de arte, revistas customizadas, fez curadorias de conteúdo para diversas marcas e muitas exosições e a cada ano tem lançado novos projetos culturais diferenciados com apoio de grandes marcas inovadoras.

Eu quero #4

Ao olhar certos produtos, normalmente os mais originais, a primeira frase que surge é: eu quero!  A nossa quarta edição promete provocar desejos. Abaixo, estão algumas novidades que vão além da criatividade e melhoram o dia a dia. Por exemplo, sabe quando você não marca a página do livro e começa aquela jornada na busca…

Tipos Latinos 2012

Designers tipográficos do México à Patagônia serão representados na quinta edição da Bienal Tipos Latinos. A mostra rola no Rio de Janeiro a partir de amanhã (13). Dos cerca de 400 projetos inscritos, foram selecionados 76, dentre os quais nove são de brasileiros. A expo fica em terras cariocas até o dia 29 deste mês,…

Eu quero #4

Ao olhar certos produtos, normalmente os mais originais, a primeira frase que surge é: eu quero!  A nossa quarta edição promete provocar desejos. Abaixo, estão algumas novidades que vão além da criatividade e melhoram o dia a dia. Por exemplo, sabe quando você não marca a página do livro e começa aquela jornada na busca…

Esculpindo com dinheiro

Muitos ganham dinheiro com arte, mas são poucos os que fazem do dinheiro uma arte. É esse o caso de Kristi Malakoff, artista que usa notas de dinheiro como matéria prima para intrincadas composições esculturais. Em Polyhedra Series, a canadense reúne notas de diversas partes do mundo para criar peças tridimensionais multicoloridas com forte exploração…

Arte natural

Apesar de ter estudado arte durante um tempo, não é difícil entender por que Scott Marr se considera um autodidata. Pois foram seus experimentalismos que o conduziram a seu estilo atual, caracterizado pelo uso de pigmentos naturais e pela técnica pirográfica, em geral aplicados a papel ou madeira.   Os pigmentos são feitos artesanalmente pelo…

Gifs sobrenaturais

Kevin Weir cresceu afastado das grandes metrópoles e longe da televisão. Quando garoto, passava o tempo lendo, desenhando e desbravando os arredores rurais de sua casa – hábitos que, segundo conta em seu site, mantém até hoje. Dando valor à imaginação desde pequeno, o norte-americano hoje explora as possibilidades que ela lhe apresenta transformando fotografias…

Top Perfil Zupi – Resultado!

A Zupi queria mudar o visual e procurou no lugar certo, afinal, nossos leitores são super talentosos. Recebemos trabalhos admiráveis para estampar os perfis das nossas redes sociais.   A atual imagem é criação da Melissa Westphal. Que rufem os tambores, pois a mais nova arte que representa a Zupi é do Rômulo Queiroz, artista…

Street art geológica

No meio artístico, Paige Smith adota o pseudônimo de A Common Name, mas o motivo é obscuro. Porque, afinal, os trabalhos que ela vem desenvolvendo nos arredores de Los Angeles não têm nada de comum. Depois de sete anos trabalhando como designer, a norte-americana enveredou por caminhos em que explora aspectos mais artesanais de criatividade,…

Ilustração editorial vintage

Livros de bom conteúdo sempre ganham novas edições, adquirem novas roupagens. Mas, se for ilustrado, muita coisa boa pode se perder nessas renovações – e é para isso que existem blogs como o My Vintage Book Collection,  santo reduto de boas e velhas ilustrações editoriais. Da ampla coleção reunida pela colecionadora Mallory McInnis, mostramos aqui…

Chalktrail

Por ruas mais coloridas e menos tempo na internet, Scott Baumann inventou o Chalktrail. O produto é um anexo que, ao ser adaptado na roda traseira da bicileta ou patinete, transforma as pedaladas em verdadeiros pincéis ao deixar traços de giz colorido pelo chão.   O projeto não é inovador, aliás, ele poderia existir há…

Poeira sobre tela

Sabe a poeira que tá acumulando aí nos cantos da sua sala, ou no móvel do seu quarto? Se alguém perguntar, diz que é arte. E se a pessoa não entender o que você quis dizer, apresente as Dust Paintings de Allison Cortson. O processo criativo da norte-americana é o seguinte: depois de fotografar o modelo…

O estranho mundo de Ryan Schude

De trabalhos voltados à publicidade àqueles que definem uma forte linha autoral podem ser encontrados no portfolio de Ryan Schude. Possuem humor bem peculiar as composições desse americano, que nasceu no subúrbio de Chicago e atualmente vive na Califórnia. As emaranhadas atmosferas pensadas pelo fotógrafo nascido em 1979 têm um tom inacabado, irônico e surreal…

Jogado ao vento

Movido pelo seu desprazer com a quantidade de lixo nas cidades, Wang Zhiyuan, artista que vive em Pequim, construiu esta peça, intitulada Thrown to the Wind (jogado ao vento, em livre tradução). Trata-se de um furacão de 11 metros de altura, feito inteiramente de objetos descartados. A torre gigantesca pretende por em perspectiva a discussão…

Luminaris

O diretor argentino Juan Pablo Zaramella apresenta um stop motion da altura de suas ideias. No curta Luminaris, com com bolas de gude, lâmpadas e muita imaginação, o criativo conta a história de um homem cansado da rotina de trabalho e que diariamente planeja um sonho. O final você descobre assistindo ao vídeo.   + Informações Juan…