A Zupi acompanhou a palestra de Elon Musk no SXSW 2018

[vc_row][vc_column width=”1/6″][/vc_column][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

Elon Musk marcou presença neste domingo (11/03/18) no SXSW, Moody Theater de Austin, TX. A sala lotou com centenas de pessoas que vieram presenciar um dos gênios mais admirados da nossa geração falar sobre o futuro tecnológico da nossa sociedade.

O CEO da SpaceX não decepcionou nos tópicos! Logo mencionou sua inquietação com Marte e quais são seus grandes planos para o planeta. Ele contou da sua missão de curtos voos com sua primeira espaçonave interplanetária já começará no início do ano que vem! Este comentário deu abertura para uma vasta discussão sobre o Marte em geral. O empresário espera normalizar a ação de ir ao espaço, e que isso vire um direito acessível para toda a sociedade. Tanto viajar quanto ser uma das empresas que oferece viagens interplanetárias! Parece loucura, mas é verdade! Já que de acordo com Elon, uma competição entre as empresas nesse caso pode ser bem saudável e algo a ser encorajado.

Existem diversos motivos para Musk achar que deveríamos fazer mais progresso em relação a marte, um deles é praticamente um dos piores cenários possíveis, porem uma necessária precaução! Marte teria que ser habitável para termos a tranquilidade de que caso precisarmos repopular o planeta terra, teríamos essa possibilidade. Veja, se uma 3ª Guerra Mundial fosse acontecer, os efeitos colaterais de tal guerra seriam tão catastróficos que seria muito aconselhável, (para não extinguirmos a raça humana) termos uma boa parte da nossa espécie se proliferando em outros lugares do universo além daqui.

Como é de se esperar a partir daí as perguntas se soltaram ainda mais! As pessoas perguntaram de tudo, desde que tipo de governo Musk imagina que seria adequando para reger uma sociedade em Marte, a como ele imagina que seria o melhor cenário futurístico possível do ponto de vista Terrestre. Ele foi rápido em responder que acreditava em uma democracia “direta” ou “invisível” seria o mais recomendado nesta futura sociedade. E que para o mundo pudesse virar seu “melhor” uma das primeiras coisas que teríamos que ter resolvido é ter encontrado mais fontes de energia sustentável. Pois assim o nosso problema com CO2 e os descongelamentos das geleiras seriam mitigados (dentre vários outros benefícios).

Outra inquietação de Musk nesta palestra foi a respeito da Inteligência Artificial. Pois ele não compreende como as pessoas não perceberam ainda o real perigo que IA pode acarretar na sociedade. Ele comprova sua tese debatendo uma serie de argumentos e em suma ele propõe como solução a criação de algum tipo de legislação para o controle da Inteligência Artificial, a favor da segurança pública.

Musk admite que sua esperança é que a Inteligência Artificial permaneça promovendo a liberdade das ações da humanidade, e nada mais além disso. Esse seria outro indício de uma sociedade bem desenvolvida.

Outro tema em alta da palestra foi a outra empresa de Elon Musk: Boring Company, a empresa está sendo muito bem sucedida nos planejamentos da criação dos tuneis como meio de transporte futurísticos mais eficientes e seguros. Mesmo a ideia sendo menos popular que os tão queridos “carros voadores” ainda assim impressionaram qualquer um que viu o vídeo promocional desses tuneis inovadores. Musk admite que cansou de pedir para que outras companhias fizessem esse trabalho, mas quando finalmente desistiu de esperar por interessados, decidiu que faria ele mesmo.

O empresário também tratou de diversos assuntos pessoais, sempre bem receptivo, brincalhão e calmo, Elon compartilhou bastante. Ele inspirou a sala com suas historias de fracasso á sucesso e como conseguiu reerguer suas empresas que quase faliram apostando em ambas! Musk compartilhou inovações, números, e a importância que um bom time de trabalho tem para a companhia.

Seu irmão Kimbal Musk se juntou a ele no final da palestra, após uma boa discussão sobre o longo sonho compartilhado que tinham de criarem carros elétricos, ele se permitiu entrar na brincadeira e não se envergonhou quando chegou a sua hora de estrelar! Ambos ficaram de pé, colocaram seus chapéus de Cowboy e deram um breve show para o público! Com direito a violão e a uns passos de dança.[/vc_column_text][vc_video link=”https://youtu.be/kzlUyrccbos” align=”center”][/vc_column][vc_column width=”1/6″][/vc_column][/vc_row]