O grafite criativo de HUSH

O artista que atende pelo nome de HUSH é um artista de rua prolífico, que tem levado a arte muito a sério nos últimos anos.

As estações de metrô mais legais do mundo

Quem anda de metrô sabe que essa atividade pode ser muito estressante. Mas isso não precisa ser desse jeito. Quando um ambiente criativo e curiosos nos é proporcionado, nossa atenção se volta para as peculiaridades do lugar, e não necessariamente os pontos ruins. Confirta, agora, alguma das estações de metrô que não são apenas paradas de nosso meio de transporte.

50 idéias de cupcakes criativos

Tem alguma sobremesa que está mais na moda do que cupcake? Bom, não que eu saiba, pelo menos, não ainda. Os cupcakes estouraram aqui no Brasil e desde 2006 vêm ganhando espaço no nosso paladar. Eles têm loja própria, estão substituindo os docinhos de casamento e existem opções pra todos os estilos e gostos. As mais criativas a gente mostra pra vocês aqui.

O “Cotidiano Mergulhado” de Carlos Donaduzzi

Para sua pesquisa em fotografia dentro do mestrado de artes visuais da Universidade Federal de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, o fotógrafo e ilustrador Carlos Donaduzzi criou a série “Cotidiano Mergulhado”. Nela, o gaúcho procurou transportar para debaixo d’água cenas cotidianas, buscando transmitir naturalidade em exercer ações que não são comuns nesse ambiente.

Joram Roukes e suas incríveis colagens

Joram Roukes é um artista contemporâneo talentoso da Holanda. Sua arte principal é pintura a óleo, mesclada a composições com colagem de figuras de animais e ícones da cultura pop ocidental.

Vegetais sexuais por Lauren Hillebrandt

Lauren Hillebrandt tem um Tumblr no mínimo criativo. Ela faz com que objetos comuns tenham implicações sexuais e apareçam em situações de contexto diversificado.

Luz e sombra criam formas incríveis

O artista japonês, mas que mora em Nova York, Kumi Yamashita consegue criar obras de arte inacreditáveis utilizando dois artifícios muito simples e acessíveis, a luz e a sombra. Utilizando recursos materiais – os objetos sólidos – e imateriais, é possível criar silhuetas de todos os estilos e tamanhos.

Curso de Toy Art – Rogério Camolez – Rio de Janeiro

Carioca diretor de arte e ilustrador apaixonado em criar personagens e animações, viveu sua infância na década de 80 recheado de desenhos e filmes americanos. Mas foi na década de 90 que começou sua paixão por computação gráfica que ajudou a conhecer diversas técnicas de desenvolvimento de personagens, entre elas a modelagem e stop motion que ajudaram a criar a técnica que mistura modelagem com plastilina e papel mache.